• Jr. Eng

A importância da gestão do estoque e o passo a passo para aplicá-la.

Atualizado: Mai 7


A aplicação de um rigoroso controle de estoque em diversas empresas muitas vezes é a chave para o sucesso por evitar prejuízos e manter a produtividade condizente com o que é vendido. Porém, essa gestão é ignorada em muitas empresas pelo simples fato do desconhecimento dos princípios básicos da administração.

Mas então o que significa fazer o controle e gerenciamento do estoque da empresa?

A ideia é monitorar os produtos armazenados para garantir que as demandas sejam atendidas sem existir excessos nem faltas.

Imaginando uma situação em que o empreendedor necessite de uma máquina nova que poderia diminuir ainda mais o tempo de produção ou simplesmente facilitar um gargalo do processo, porém ao avaliar seu caixa existe capital suficiente para isso, mas existe certa quantia produzida sem giro. Não seria um desperdício?

Devido a isso é importante reconhecer que as mercadorias sem giro representam dinheiro parado, situação que impacta diretamente o capital de giro.

Indicada a importância da consciência de manter o estoque regulado e alinhado com a produção, a seguir é representado um passo a passo para o controle de estoque.

1. Realize um inventário

Liste todos os produtos estocados e as quantidades de cada. O processo exige atualização constante por isso é indicado centralizá-lo em um colaborador.

2. Automatize o controle de estoque

A tecnologia auxilia na localização e atualização do inventário. Fazer isso de forma manual exige muito tempo e em erros humanos.

3. Treine os colaboradores

É importante que todos os colaboradores estejam cientes da responsabilidade de cada com as atividades de gestão de estoque para que o funcionamento do sistema seja eficaz.

4. Estabeleça uma margem de perdas e danos

Em muitos momentos ocorrerão perdas por melhor que seja a gestão. Por isso é essencial definir um limite de perdas para que se busque estar dentro do mesmo.

5. Calcule os custos de armazenamento

O estoque em pequenas empresas pode conter custo relativos ao espaço utilizado. Avalie o custo para que não exista prejuízo com o mesmo.

6. Promova os produtos parados

Os itens sem giro devem ser o foco de estratégia por serem um risco ao prejuízo. É ideal que esses itens sejam focalizados em promoções e ofertas para que saiam do estoque.

7. Cuide do picking

Picking é a atividade de separação e preparação do produto após o ato da compra a fim de ser entregue ao cliente. É comum existir problemas nesse processo como remessas enviadas erroneamente, o que geram conflitos com os que receberam. Devido a isso essa atividade merece cuidado especial.

O controle de estoque pode ser feito de diversas maneiras, desde caderninhos até sistemas bem avançados, porém sua importância é única e pode ser a solução que o seu negócio precise.

Quer saber mais sobre gestão de estoque? Confira nossos artigos sobre o assunto.

#estoque #gerenciarestoque #controledosgastos #avaliação #atualização

29 visualizações

Menu: 

Informações: 

Av. Dr. Ariberto Pereira da Cunha, 333 - Bloco 1 - Pedregulho, Guaratinguetá - SP, 12516-410

+55 (12) 3123-2249

© 2020 Jr. Eng Todos os direitos reservados