• Gabriel Wonsik Cano e Cezar Bertoncelo de Araujo

A importância da gestão de estoque para o seu negócio

A gestão de estoque é uma área muito importante que é capaz de fornecer informações úteis sobre vendas e realizar boas previsões de compras para a sua empresa. Entenda como funciona a gestão de estoque.


O que é Gestão de estoque?


A gestão de estoque é uma das tarefas mais importantes para empresas que lidam com qualquer tipo de estoque, seja de produtos, matéria-prima ou insumos. Através desta prática é possível organizar e controlar a quantidade de cada produto em um determinado momento. Além disso, é essencial para determinar as necessidades de compras da empresa.


Métodos de gestão


Existem vários métodos de gestão de estoque que podem ser utilizados em uma empresa, confira os principais a seguir:


PEPS

O método PEPS (Primeiro a Entrar, Primeiro a Sair) segue o princípio de que as mercadorias mais antigas no estoque devem ser vendidas primeiro. Este método é um dos mais utilizados pelas empresas atualmente, principalmente porque causa uma valorização do estoque, visto que é composto por itens adquiridos mais recentemente.


CUSTO MÉDIO

O método do Custo Médio renova os valores do estoque sempre que há a entrada de algum produto através de uma média ponderada. Este método é indicado para empresas que lidam com produtos com pouca oscilação de preços.

JUST IN TIME

O método Just in Time busca manter o menor nível de estoque possível que atenda a demanda da empresa, visando a redução de custos. Para utilizar a metodologia Just in Time é preciso manter um bom controle para que não falte estoque no momento de realizar uma venda.


CURVA ABC


A curva abc é uma análise que permite o reconhecimento dos itens mais importantes do estoque



https://mundo.gimba.com.br/supply-chain/a-curva-abc-para-suprimentos-indiretos/


Como pode se observar no gráfico acima, temos três grupos A,B e C, onde A são os principais itens do seu estoque e de alta prioridade, onde 20% dos seus itens devem corresponder a 80% do valor. O grupo B são itens financeiramente relevantes e 30% dos itens devem corresponder a 15% do valor e o grupo C são os menos relevantes, onde 50% dos itens devem corresponder a 5% do valor.


Principais erros


Ao gerenciar o estoque da empresa é preciso tomar cuidado para não cometer erros graves que podem prejudicar as operações do negócio.

Listamos aqui os principais erros que se deve evitar ao realizar a gestão do estoque:


  • Excesso de estoque (Um estoque muito grande pode significar perda de capital!).

  • Falta de estoque (O estoque insuficiente prejudica o nome da empresa e os clientes perdem a confiança).

  • Problemas com sazonalidade (Oscilações da demanda conforme a época ou estação do ano influencia diretamente no giro de estoque)

  • Uso de ferramentas de gerenciamento de estoque ineficientes (O uso de ferramentas inadequadas de controle podem gerar perdas e custos altíssimos).


A importância


Uma gestão de estoque bem feita é uma das atividades cruciais para manter a saúde financeira da empresa e alcançar as metas estimadas. Apenas com este controle é possível fazer com que todas as demandas sejam atendidas, seja na temporada de alta ou baixa para cada produto.


Além disso, a gestão de estoque possibilita a otimização dos recursos disponíveis, o que resulta em redução dos custos, algo extremamente desejável para garantir o futuro de qualquer empresa.


Assim, esta prática é muito importante para qualquer negócio que trabalhe com estoque e pode ser determinante para o seu sucesso.


Está a fim de conhecer mais dessas ferramentas que podem auxiliar o seu negócio e deixá-lo ainda mais eficiente? Então não deixe de conferir outros artigos em nosso blog, siga nossas redes sociais ou entre em contato conosco através de nosso site ou WhatsApp (12) 3123-2249 para que possamos auxiliá-los nesse processo.


53 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo